Pular para o conteúdo principal

Traçando metas para 2018


Você já parou para pensar que muitas vezes fazemos planos e temos muitos objetivos para o ano seguinte? Mas, para alcançar os objetivos é necessário planejamento; não basta ter mil sonhos se eu não trabalho para colocá-los em prática. Desta forma é necessário ter suas metas muito bem definidas e a partir daí elaborar um planejamento assertivo e um caminho a ser seguido. É necessário contar com os possíveis imprevistos, ser coerente e realista. 

Trabalhando com organização e produtividade percebo que muitas pessoas têm projetos, sonhos e objetivos ao longo da vida, mas que muitas não realizam seus projetos por falta de prioridade ou por falta de planejamento e organização. O melhor momento para mudar este cenário é na expectativa de um ano melhor. Por isso, neste período do ano muitas pessoas realizam uma reflexão e pensam nos projetos futuros. Mas não basta apenas pensar nestes projetos, é necessário colocar os projetos no papel, visualizar o caminho, ter foco e trabalhar dentro de um grau de prioridade. 

Acompanhe as 5 dicas para traçar suas metas para 2018:

1. Trabalhe por grau de prioridade.

O primeiro passo para ter sucesso no ano seguinte e ao longo de toda a vida e trabalhar com um grau de prioridade bem definido. É necessário pensar no que realmente é importante para você, reflita sobre seus valores, sobre seu propósito de vida e qual é a meta mais importante para o ano seguinte. 

2. Mantenha o foco.

Quando eu me conheço por inteiro e reconheço minhas prioridades, é mais fácil manter o foco. Uma pessoa bem resolvida não perde tempo com o que não lhe faz bem ou com o que não lhe traz resultados positivos. Então mantenha o foco na tarefa que está sendo executada. Sei que é difícil em tempos de muita tecnologia e muita informação. Mas tente, persista, insista e mantenha o foco.

3. Tenha disciplina.

É mais fácil manter o foco quando se tem disciplina. Mudar hábitos não é uma tarefa fácil. Exige esforço e dedicação. Portanto se suas metas têm a ver com mudança de hábito e rotina, tenha disciplina.  

4. Escolha uma ferramenta.

Confiar todo o trabalho ao cérebro não é uma atitude inteligente. Fazer uso de uma ferramenta em que possa anotar ou compartilhar seus projetos é essencial para seguir um caminho produtivo. Deixe que seu cérebro armazene informações necessárias e úteis, que ele tenha espaço para criar e propor soluções, não sobrecarregue o seu cérebro com informações desnecessárias. 

Utilize uma agenda, faça mapas mentais, utilize aplicativos, trabalhe os dois lados do cérebro, tanto o direito quanto o esquerdo e aprenda a utilizar as cores ao nosso favor para traçar suas metas para o ano seguinte. Assim fica fácil e divertido visualizar nossas metas e trabalhar para que todas saiam do papel. 

5. Confie em você!

Confiar em nosso potencial é a melhor ferramenta para ter um ano produtivo. Quando você confia no seu potencial e começa a trabalhar à favor das suas competências e habilidades a vida se torna fácil, divertida e produtiva. 

Feliz 2018! 











Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Workshop Viver de Organização

O Workshop Viver de Organização é para você que é ou deseja ser uma Personal Organizer.  Um  evento online, gratuito e sem replay que vai acontecer neste mês.  Neste evento, eu vou falar sobre: Mentalidade da Organização  Estilos de empreendedoras Dia a dia da  Personal Organizer Estratégias de precificação Para participar, clique no link abaixo e garanta sua vaga! Te espero lá! Workshop Viver de Organização

Como montar um armário inteligente?

Gosto muito da ideia de buscar organização para construção de um armário mais consciente. Vejo muitas pessoas buscando alternativas para comprar de forma inteligente e não deixar peças estocadas no armário. A construção de um armário que funcione não começa na triagem dos pertences, não começa no desapego. A verdade é que a organização começa com compras realmente inteligentes. Por isso, antes de comprar qualquer peça nova pense em responder três perguntas importantes para decidir sobre a compra: Qual é o objetivo desta compra? Consigo combinar esta peça com quantas outras que já tenho no armário? Tenho espaço para guardar esta peça no meu armário? Após refletir sobre estas três perguntas conclua que a construção de um armário que funcione começa na compra e não no desapego. A triagem, o desapego é a primeira fase do trabalho de organização para quem precisa tomar decisões para construção de um novo estilo de vida. Se você ainda não está na fase do desapego, pode se colocar na fase de

Plantas ideais para ambientes internos

Não é segredo, eu amo plantas. Tenho percebido que durante esta pandemia a procura por plantas aumentou. Nos últimos meses as pessoas passaram a ficar mais tempo em casa e com os olhares voltados para o ambiente que se vive, muitas pessoas começaram a fazer mudanças dentro de suas casas. Tenho recebido muitas perguntas a respeito da melhor forma de manter a casa em ordem, mas também recebo perguntas de pessoas que buscam levar mais vida para dentro de suas casas de forma harmônica . A organização proporciona harmonia, saúde e bem estar, mas as plantas dão um toque de verde muito especial para completar este trabalho. Pois bem, as plantas cumprem muitas funções interessantes, sou apaixonada pela fisiologia destes seres vivos incríveis e ainda mais apaixonada pela energia que elas podem levar para a nossa casa .  Planta pra mim é terapêutico. O que percebo deste aumento da procura por plantas nos últimos meses é uma visão que sou apaixonada: Transformar casas em LAR.  A primeira dica é